Notícia

Bodegas italianas perdem milhões em duas piscinas olímpicas de vinho derramado


Duas cooperativas na região italiana de Puglia foram arrombadas na semana passada e tiveram seus tanques abertos, liberando mais de 40.000 hectolitros de vinho e mosto, causando danos estimados em 2 milhões de euros. A Antica Cantina, com sede na cidade de San Severo, e a Cantine Padre Pio, localizada na vizinha Torremaggiore, foram vítimas de sabotagem. 

A polícia está investigando se os ataques, realizados em 20 e 21 de outubro, estão ligados. Uma das hipóteses é que as vinícolas tenham sido alvo de uma retaliação às políticas de preços das uvas, criando um concorrência desleal entre os vinicultores da província de Foggia. 

Estamos diante de um evento realmente triste e é de seriedade sem precedentes, além de um ato de covardia absoluta perpetrada contra trabalhadores e produtores de nossa região. Expresso total solidariedade para com a família Antica Cantina. Este episódio é um golpe terrível para a nossa economia. Espero que os responsáveis sejam identificados o mais rápido possível e levados à justiça”, afirmou o prefeito de San Severo, Francesco Miglio. 

Da redação

Publicado em 22 de Janeiro de 2020 às 15:27


Notícias vinho sabotagem

Artigo publicado nesta revista