Revista ADEGA
Busca

Tecnologia NFT

Primeira plataforma exclusiva de vendas de vinhos por NFT deve ser lançada ainda em 2022

A Winechain é cofundada por Xavier Garambois, ex-vice-presidente de varejo da Amazon na União Europeia


A grande vantagem da tecnologia NFT é a garantia sobre a autenticidade do vinho comprado
A grande vantagem da tecnologia NFT é a garantia sobre a autenticidade do vinho comprado

Até o final de 2022 a Winechain.co, primeira plataforma exclusiva de vendas de vinhos por NFT, deve entrar no ar com sua primeira oferta de “wiNeFT” - seu termo para um vinho ligado a um token não fungível (NFT). 

Um token não fungível é um tipo especial de token criptográfico que representa algo único, no caso pode ser uma garrafa de vinho, uma caixa ou até uma barrica toda. A grande vantagem é a garantia que a tecnologia consegue prover sobre a autenticidade do vinho comprado.

A Winechain disse em nota que seu objetivo é “construir relações dinâmicas e interativas entre propriedades de prestígio e consumidores exigentes”. A empresa disse que arrecadou mais de US$ 1 milhão em apoio de amantes do vinho e prestigiadas propriedades vinícolas até agora para colocar a plataforma no ar.

Xavier Garambois, cofundador da empresa, era o executivo mais sênior da Amazon na Europa antes de sua saída da gigante do varejo online no final de 2020, disse ao portal britânico Decanter que a Winechain só fornecerá vinhos diretos dos proprietários. No entanto, por hora, ele preferiu não revelar nenhuma das propriedades que trabalharão com o grupo.

“A principal razão é que estamos a poucos meses do lançamento e queremos continuar construindo essa lista antes de nos comunicarmos. Mas posso confirmar um interesse acentuado de muitas propriedades, por toda a Europa” disse Garambois. Os outros cofundadores são Guillaume Jourdan, CEO da consultoria de comunicação Vitabella, e Nicolas Mendiharat, fundador e CEO do San Francisco Palate Club.

André De Fraia
Publicado em 01/06/2022, às 08h00


Mais Mundovino