Almanaque do vinho

Quanto custa um vinhedo nos terroirs mais falados da França?

Agência imobiliária especializada revela pesquisa de valores, de Bordeaux a Borgonha


Sonho de vida de alguns pode custar alguns milhões

Para realizar o sonho de ser proprietário de uma vinícola é preciso começar encontrando o terroir perfeito.

Nada melhor do que buscar em um dos maiores e mais tradicionais produtores do mundo, a França. País escolhido por diversas celebridades mundo afora como George Clooney e o ex-casal Jolie-Pitt.

Um levantamento feito pela Safer, uma agência imobiliária com especialidade no ramo, mostrou quanto custa um hectare em diferentes terroirs franceses.

E a diferença é gigantesca!

Lembrando que um hectare em algumas regiões – que possuem leis para garantir a qualidade do vinho em detrimento à quantidade – produz no máximo algo em torno de 3.500 litros de vinhos, ou seja, menos de 5.000 garrafas por safra.

Vamos aos valores:

Bordeaux

A região é uma das mais caras da França. Mas os valores variam muito.

Um hectare em Bordeaux pode variar de 300 mil até quase 3 milhões de Euros

Enquanto em Pauillac um hectare é vendido em média por 2,8 milhões de Euros e Pomerol os valores chegam em 2 milhões de Euros, áreas como Saint-Émilion o custo do hectare é de 300 mil Euros.

Segundo o levantamento da Safer, a diferença entre os terroirs se deve por questões de oferta e demanda de terras como em qualquer local do mundo, mas também ao cenário do vinho. Afinal, a margem esquerda de Bordeaux e alguns especiais da margem direita – como Pomerol – possuem nomes grandes no mundo do vinho e isso aumenta consideravelmente o valor por hectare.

Borgonha

Aqui também há muita diferença.

Claro, afinal há grandes diferenças entre regiões e dentro das regiões entre seus vinhedos.

E não adianta, por mais que alguns Premier Crus sejam tão bons, muitas vezes melhores que Grand Crus, esses últimos ainda são os mais caros.

A Borgonha tem o hectare mais caro da França

Um hectare de um vinhedo classificado como Grand Cru nas regiões mais nobres da Borgonha está valendo a bagatela de 6,765 milhões de Euros!

Em aéreas onde o vinho branco é majoritário o valor é menor, um hectare pode ser comprado 1,69 milhão de Euros, uma diferença significativa.

Châteauneuf-du-Pape

Um dos locais onde os valores são mais estáveis nos últimos anos.

Châteauneuf-du-Pape, clássico terroir do vale do Rhône

A clássica denominação no vale do Rhône custa para seu futuro proprietário 450.000 Euros por hectare.

Segundo o relatório, o preço não sofreu grandes alterações na última década.

Provence

Local preferido das celebridades, a região tem preços bem mais módicos.

Na região de Var, onde fica o Château Miraval de Jolie-Pitt e o Domaine du Canadel de Amal e Goeroge Clooney, um hectare está custando o valor de 60 mil Euros.

Já na Côtes de Provence, principal região produtora de vinhos rosés da Provence – e uma das maiores do mundo – o hectare já sobe um pouquinho para os 100.000 Euros!

No sul francês a região do Languedoc-Roussillon tem preços mais camaradas

Fora das grandes zonas vitivinícolas as ofertas são maiores e os preços, consequentemente, menores.

Na maior zona produtora o Languedoc-Roussillon o preço pode chegar a menos de 15 mil Euros o hectare.

E não se engane, essas regiões novas na França tem seus benefícios. A falta de regras é um prato cheio para o uso da imaginação do enólogo e vários grandes vinhos estão surgindo nessa região.

» Lenda do futebol americano faz bom vinho em Napa Valley

» Acredite se quiser: há pessoas que têm medo de vinho

» Lacryma Christi é o vinho feito com as lágrimas de Cristo

Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

André De Fraia

Publicado em 7 de Agosto de 2021 às 14:00


Almanaque do vinho Vinho Vinhedo França Quanto custa um vinhedo na França Mercado Borgonha Bordeaux Provence