MundoVino

Um dos principais produtores de Cava estaria para ser vendido

Codorníu negocia com Carlyle Group


O grupo Codorníu Raventós, um dos maiores produtores de Cava da Espanha, afirmou estar discutindo a venda da participação majoritária em seus negócios para “fundos administrados pelo Carlyle Group”. O acordo estaria girando em torno de 390 milhões de euros. O tamanho exato da participação potencial a ser vendida, contudo, não foi divulgado.

Espera-se que a venda seja concluída até o final de 2018. Mar Raventós, presidente da Codorníu, disse estar satisfeita com o acordo preliminar feito com a Carlyle Europe Partners. “Este acordo ajudará a impulsionar a empresa no exterior, consolidar e dar continuidade à nossa estratégia centrada na construção de marcas valiosas e de prestígio. Depois de analisar várias opções, chegamos a um consenso, concordando com uma solução que tem muito potencial e tem uma visão de longo prazo”, apontou.

A Codorníu Raventós tem 10 vinícolas na Espanha, Argentina e Califórnia, e mais de 3.000 hectares de vinhedos. Se o negócio for adiante, será a segunda grande aquisição de vinhos associada ao Carlyle Group em 2018. Em abril, a Champ e a Constellation Brands anunciaram a venda da Accolade Wines, proprietária da Hardys, ao Carlyle Group em um negócio de 1 bilhão de dólares australianos.  

Da redação

Publicado em 10 de Outubro de 2018 às 17:00


Notícias Codorníu Raventós Cava Negócios Espanha Argentina

Artigo publicado nesta revista