Revista ADEGA
Busca

Vinho e chocolate

5 vinhos que vão bem com ovo de Páscoa. A velha, polêmica e boa harmonização de vinhos e chocolate

Vinhos clássicos dignos desta harmonização tão especial – para coelhinho nenhum botar defeito nem nos vinhos nem no chocolate


Vinho e chocolate, duas iguarias milenares, que passaram anos separadas por um Atlântico
Vinho e chocolate, duas iguarias milenares, que passaram anos separadas por um Atlântico

Polêmica e desafiadora. É assim que se costuma iniciar uma história sobre a junção de vinho e chocolate. Porém, de tão estudada e experimentada, hoje especialistas já têm o caminho das pedras para fazer essa harmonização funcionar sem maiores problemas.

Afinal, duas iguarias milenares, porém com histórias que por muitos anos ficaram separadas por um Atlântico, tinham que se encontrar e formar um casal digno de romance. E assim foi!

Nos últimos anos, aliás, combinações que jamais imaginávamos começaram a acontecer e funcionar! Malbec, Garnacha, Zinfandel e até cortes de Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc entraram na dança e fizeram pares interessantes com chocolates.

Mas como diz o ditado, para uma harmonização funcionar tem que experimentar, então saque o seu ovo de páscoa e mergulhe nessas cinco dicas de vinhos clássicos para harmonizar com chocolates que farão uma festa na sua boca.

Importante: as harmonizações funcionam melhor com ovos de chocolate mais puro, com graduações mais parrudas de cacau.

7 Colores Single Vineyard Red Blend 2017

7 Colores Single Vineyard Red Blend 2017 - AD 91 pontos - 7 Colores, Maule, Chile

Uma mistura intensa que reúne as 7 melhores variedades de cada safra: Carménère, Carignan, Merlot, Mourvèdre e País do Valle del Maule; um toque de Pinot Noir do Valle de Casablanca e uma boa dose de Cabernet Sauvignon do Valle del Maipo. Estruturado e suculento, tem acidez pronunciada, taninos firmes e de boa textura e final cheio e persistente, com notas de chocolate amargo e de cassis. Ótimo vinho da região do Maule, em um estilo de maior madurez e untuosidade.

Croft 430th Anniversary Celebration Edition Reserve Ruby Port

Croft 430th Anniversary Celebration Edition Reserve Ruby Port - AD 91 pontos - Croft, Douro, Portugal

Um clássico. Cativante e gostoso de beber, mostra notas de violteas e de especiarias doces, que envolvem toda sua fruta vermelha e negra. Tem taninos firmes e pulsante acidez, que conferem fluidez e profundiade ao vinho.

Don José Oloroso

Don José Oloroso - AD 93 pontos - Sánchez Romate, Jerez, Espanha

Advindo de soleras de 18 anos, é fresco, amplo e complexo. Mostra um perfil de frutos secos, lembrando ameixas e amêndoas, seguidos de notas tostadas, de café e de tabaco. Sua vibrante acidez e textura firme e cremosa se mostram ideal para acaompanhar chocolates com alta porcentagem de cacau.

Poggio Civetta Governo All'Uso Toscano 2017

Poggio Civetta Governo All'Uso Toscano 2017 - AD 91 pontos - Tenute Rossetti, Toscana, Itália

"Governo all uso Toscano” é um método similar ao ripasso do Veneto e consiste em uma fermentação secundária do vinho, obtida pela adição de uvas levemente passas. O método confere mais corpo a esse blend de 70% Sangiovese, 20% Merlot, 5% Cabernet Sauvignon e 5% Syrah, que ainda conta com estágio de 5 meses em barricas de carvalho francês. Redondo e sedutor, esbanja cerejas e ameixas equilibradas por taninos macios e de boa textura e acidez refrescante.

Vadio Tinto 2017

Vadio Tinto 2017 - AD 93 pontos - Vadio, Bairrada, Portugal

Elaborado apenas com leveduras autóctones, mostra a mais autêntica representação da Baga, sua elegância e complexidade. Tem a estrutura e a acidez necessária para acompanhar o chocolate, limpando o palato e deixando tudo "limpo" para uma nova dentada.

André De Fraia
Publicado em 13/04/2022, às 16h00


Mais Harmonizações