Bordeaux 2014: Chuva chega ao final da colheita

Chuvas pesadas e repentinas em Bordeaux estão forçando produtores a acelerar a colheita ou arriscar esperar condições melhores


Vinhedos em Bordeaux

Após o setembro mais seco em 60 anos, o retorno das chuvas está afetando o estágio final das colheitas na região de Bordeaux, sobretudo em relação às variedades de Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc. Em entrevista ao Decanter.com, Philippe Cohen do Chateau Vieux Taillefer, declarou que as uvas Merlot já atingiram maturação completa, e que quase todas já haviam sido colhidas antes das chuvas começarem. “Nós vamos agora esperar até depois que chuvas cessarem. Na terça ou na segunda colheremos as nossas Cabernet”, disse Cohen.

Enquanto a chuva está causando dificuldades em alguns locais, o enólogo Pascal Hénot minimizou seu impacto, destacando que as diferenças diurnas na região e o atraso na temporada podem configurar fatores de redução de risco para as colheitas. “É claro que a chuva traz consigo o risco de apodrecimento das uvas. Felizmente não está tão quente durante o dia (média de 25°C) e está frio à noite, assim o risco de apodrecimento se reduz bastante e, além disso, as uvas se encontram em bom estado”, declarou Hénot, funcionário do Oenocentres, um laboratório que está trabalhando com mais de 300 propriedades e 25 cooperativas da região.

Os rendimentos, de modo geral, estão bem maiores que os do ano passado. Espera-se que para esse ano Bordeaux atinja a marca de seis milhões de hectolitros de vinho, um aumento significativo em relação aos quatro milhões de 2013.  

Da redação

Publicado em 10 de Outubro de 2014 às 16:49


Notícias Vinhos bordeaux colheita chuvas