ADEGA indica

Carménère da montanha: Vestisquero faz homenagem ao carvalho nativo chileno

O Obliqua Carménère 2017 faz parte das comemorações dos 20 anos da vinícola


 

A belíssima vinícola chilena

Em comemoração aos 20 anos da Ventisquero, foi lançado o Obliqua, homenagem ao carvalho nativo chileno, cujo nome científico é Obliqua nothugus.

» Conheça todos os rótulos da Ventisquero já degustados pela ADEGA

» Quer mais dicas? Clique aqui e conheça a seção ADEGA indica

Majoritariamente elaborado com Carménère, esse vinho vem para fazer companhia aos outros topos de gama da vinícola, como o Pangea (Syrah), o Enclave (Cabernet Sauvignon) e o Herú (Pinot Noir).  

Felipe Toso, enólogo-chefe da casa, explica que esse tinto vem da busca por um Carménère distinto, cultivado em um lugar de maior altura, mais fresco, em declive e em solos de maior composição de rochas e de areia, o que contradiz a máxima de que essa cepa somente se dá bem em locais planos e em solos com grande porcentual de argila.

O Obliqua é majoritariamente elaborado com Carménère

E acrescenta, “o surgimento de um Carménère de qualidade vindo de lugares mais montanhosos abre novas possibilidades para a variedade no cenário chileno”. 

Segundo Toso, o ponto chave é o vinhedo, plantado em 2001, que tem produção muito baixa e de cachos menores, o que, para ele, juntamente com uma irrigação para manter o vinhedo equilibrado (sem estresse hídrico), colabora para que as uvas tenham menores concentrações de pirazina.

E confessa, “eu não gosto muito da pirazina, por isso demoramos para lançar um ícone com a Carménère, pois queríamos um vinho que unisse frescor de fruta, mas sem aquelas notas de pimentão evidentes, tão encontradas nos tintos da cepa”.  

Obliqua Carménère 2017 - AD 93 pontos

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

Eduardo Milan

Publicado em 27 de Junho de 2021 às 18:00


Adega Indica ADEGA indica Indicação Vinho Ventisquero Obliqua Carménère 2017 Chile Vinho tinto