Mundovino

Empresa de moda comprou vinícola em ilha na Provence

Chanel produzirá rótulos de vinho rosé


A marca Chanel deve passar a produzir vinho rosé na Riviera Francesa depois de comprar o Domaine de L’Ile, na ilha de Porquerolles. Diz-se que Nicolas Audebert, gerente do Châteaux Canon, de propriedade da Chanel, e Rauzan-Ségla, em Bordeaux, supervisionará as operações na recém-adquirida propriedade.

O rosé constitui cerca de 70% da produção na Domaine de L’Ile, que produz um vinho rosé na Côtes de Provence, incluindo Grenache e Mourvèdre, além de Cinsault, Syrah e Tibouren. Também produz um vinho branco inteiramente de Rolle, também conhecida como Vermentino, além de um vinho tinto de Syrah e Grenache.

A propriedade, que possui 34 hectares, foi fundada por François-Joseph Fournier em 1911, depois de ele usar a riqueza acumulada na mineração no México para comprar a ilha de Porquerolles. A família, hoje liderada pelo neto de Fournier, Sébastien Le Ber, manterá participação de 10% na propriedade após a decisão de vender para Chanel.

Veja também:

+ Acompanhe as notícias de Provence

Os vinhos rosés mais bem avaliados!

ASSINE JÁ A REVISTA ADEGA. DESCONTOS DE ATÉ 76% 

Da redação

Publicado em 4 de Dezembro de 2019 às 13:00


Notícias

Artigo publicado nesta revista