Mundovino

Polícia francesa prende quadrilha responsável por roubos milionários de vinho

A operação que foi batizada de "Magnum", contou com mais de 200 policiais


 

Caixas de vinhos apreendidas com a quadrilha. Foto: Gendamerie Nationale

Um grupo foi preso na França suspeito de roubar vinhos finos em um valor que supera os cinco milhões de Euros.

LEIA MAIS

» Dieta mediterrânea e vinho estão ligados a diminuição de diabetes em mulheres

» Edição 160 do leilão do Hospices de Beaune é a segunda maior da história

A quadrilha, que foi descoberta após ações policiais na região de Bordeaux e do Loire, tinha consigo inúmeras garrafas de Petrus, Cheval Blanc, Château Margaux, Château d’Yquem e Domaine de la Romanée-Conti, entre outros grandes rótulos.

As autoridades francesas não sabem ao certo desde quando a quadrilha atuava e nem quantos roubos foram feitos, porém está claro que se tratava de um esquema profissional. “Eles são profissionais” disse Patrick Léonard da policia inter-regional judiciária de Bordeaux ao jornal francês France Info, “sabem contornar medidas de segurança, alarmes e sensores de movimento”, completa.

A operação que foi chamada de “Magnum” contou com mais de duzentos agentes e mais de um ano de investigações que levaram a prisão de 25 indivíduos, incluindo o provável mandante, um empresário asiático de 55 anos, morador de Bordeaux e proprietário de restaurantes na região.

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

André De Fraia

Publicado em 16 de Dezembro de 2020 às 18:00


Notícias Quadrilha Presa França Vinho