Mundovino

Schloss Johannisberg faz primeiro Icewine depois de uma década

Vinícola alemã consegue o feito após baixas temperaturas que atingiram o Reno


[Colocar Alt]

A célebre vinícola alemã Schloss Johannisberg anunciou que foi capaz de produzir seu primeiro Icewine após uma década. Isso graças a temperaturas de menos de -10°C que atingiram o Reno e permitiram que se colhesse as uvas congeladas.

As estimativas iniciais indicam que apenas algumas centenas de garrafas de vinho estão sendo feitas. Os requisitos específicos necessários para o Icewine alemão fazem com que eles sejam uma das mais raras de todas as formas de vinho de colheita tardia.

Além de ser a primeira vez em 10 anos que a propriedade de Rheingau produziu um Icewine, é a primeira vez em 20 anos que será capaz de oferecer, com a safra 2018, a gama completa de Rieslings através de todas as várias denominações de Qualitäts e Prädikatswein.

Da redação

Publicado em 15 de Abril de 2019 às 17:00


Notícias Schloss Johannisberg Icewine

Artigo publicado nesta revista