Mundovino

Vendas de Champagne alcançaram novo recorde em 2018

O número de exportações registrou um aumento de 0,3% em comparação com 2017


Um relatório de vendas do Comitê Champagne mostrou que os vinhos da região alcançaram um valor recorde de vendas em 2018, com aproximadamente € 4,9 bilhões, um acréscimo de 0,3% em relação a 2017. Porém, o volume caiu 1,8% para 301,9 milhões de garrafas.

Leia mais:

Venda de vinhos nos Estados Unidos cai

Vinho do Porto Niepoort quebra próprio recorde

+ Leilão Premiere Napa Valley 2019 alcançou quase 3,7 milhões de doláres

 

O total de exportações atingiu € 2,9 bilhões, um aumento de 1,8% em relação a 2017. Na França e no Reino Unido as vendas caíram cerca de 4% em volume em relação a 2017. O Reino Unido continua sendo o maior mercado de exportação em volume, mas a diferença caiu para os Estados Unidos nos últimos anos. Em 2018, 26,8 milhões de garrafas foram exportadas para os britânicos e 23,7 milhões foram embarcadas para os norte-americanos, que tiveram um aumento de 2,7% em relação a 2017.

Em volume, as exportações cresceram 0,6% em relação a 2017, para 154,8 milhões de garrafas. Os Estados Unidos continuaram sendo o mercado mais lucrativo com € 577,1 milhões de euros. O Reino Unido ficou em segundo lugar para € 406,2 milhões. Ambos, contudo, registraram queda em relação ao ano anterior.

As exportações para o Japão, o terceiro maior mercado, aumentaram 3,9% para 318,8 milhões de euros e 5,5% em volume para 13,6 milhões de garrafas. China, Hong Kong e Rússia também registraram aumentos na demanda em 2018. As exportações para Hong Kong aumentaram 14% em valor, para 46,7 milhões de euros, e 12% em volume, para 2 milhões de garrafas. A China cresceu 12% em valor para € 40,9 milhões de euros e em 10% em volume para quase 2,2 milhões de garrafas. Para a Rússia, as exportações aumentaram 10% em valor para 32,7 milhões de euros e 13% em volume para 1,9 milhões de garrafas.

Em outros países, as exportações para a África do Sul superaram a marca de 1 milhão de garrafas pela primeira vez, após um aumento de 38% em termos de volume e um salto de 43,4% em valor, para € 25 milhões.

Da redação

Publicado em 20 de Maio de 2019 às 10:00


Notícias Comitê Champagne venda de champagne mercado de vinho exportação de vinho

Artigo publicado nesta revista

Supertoscanos

Revista ADEGA 162 · Abril/2019 · Supertoscanos

Os revolucionários que mudaram a história e se tornaram clássicos + seleção de imperdíveis