Mundo Vino

Vendas de espumantes nacionais supera a de vinhos tranquilos no mês de outubro

Dos 6,4 milhões de litros comercializados, 72% foram espumantes


 

Venda de espumantes bateu a de vinhos tranquilos no mês de outubro

No mês de outubro de 2020 a venda de espumantes brasileiros superou – e muito – a de vinhos tranquilos. No total foram vendidos pouco mais de 4,6 milhões de litros de espumante contra 1,8 milhão de litros de vinho tranquilo. O aumento, que não foi expressivo frente ao mesmo mês de 2019 quando chegou a 4,5 milhões de litros, mostra como o cenário é positivo para o vinho nacional.

O cenário de dólar em alta e a melhora na qualidade do vinho nacional conjecturaram para um aumento recorde no consumo.

LEIA MAIS

» A safra das safras

» Conheça as uvas dos terroirs do Brasil

A tendência no setor é de alta com as festas de final de ano e, apesar de 2020 estar sendo um ano turbulento, a esperança do presidente da UVIBRA (União brasileira de Vitivinicultores) Deunir Argenta é que “As pessoas não vão deixar de brindar o término de 2020, para se despedir de todas incertezas e dificuldades que este ano nos trouxe, depositando em 2021 toda esperança necessária para um futuro melhor.”.

Nos 10 primeiros meses do ano o consumo de vinho nacional foi 60,4% maior que o mesmo período de 2019, batendo a casa dos 20 milhões de litros consumidos. Mesmo quando comparado com anos de referência para o setor como 2016, o crescimento ainda é significativo, 25,73%.

» Receba as notícias da ADEGA diretamente no Telegram clicando aqui  

 

André De Fraia

Publicado em 3 de Dezembro de 2020 às 08:00


Notícias Espumante Vinho Nacional Brasileiro Brasil