Vinho francês

Vinhos franceses abaixo de R$100

Sugestões de vinhos da França bons e baratos


A ADEGA fez uma seleção de vinhos abaixo de R$ 100 para que você possa desfrutar de bons rótulos da França sem gastar muito. Confira!

AD 89 pontos

C’EST LA VIE! PINOT NOIR SYRAH 2016

Albert Bichot, Languedoc-Roussillon, França (Winebrands R$ 76). Projeto no sul da França com a assinatura do enólogo da Maison Albert Bichot, Alain Serveau. Tinto composto de Pinot Noir e Syrah, sem passagem por madeira. Direto, frutado e gostoso de beber, mostra notas florais, de ervas e de especiarias escoltando as frutas vermelhas e negras de perfil mais fresco. Tem ótima acidez, taninos macios e final médio/longo, com toques de cerejas, que convidam a uma segunda taça. Álcool 13%. EM

[Colocar Alt]

AD 90 pontos

DOMAINE GALAMAN ROUGE 2013

La Negly, Languedoc-Roussillon, França (Grand Cru R$ 95). Tinto composto de uvas Grenache, Carignan e Syrah, cultivadas em Fitou, com estágio de seis meses em barris de carvalho. Mostra profusão de frutas vermelhas e negras maduras acompanhadas de notas especiadas, florais e minerais. No palato, é cativante e de média estrutura, tem taninos de boa textura e acidez na medida, que trazem equilíbrio ao seu lado frutado. Tem final agradável, com toques de ameixas e de chocolate amargo. Álcool 14%. EM

Veja também:

Termos comuns encontrados nos vinhos franceses

Como beber bons vinhos franceses sem gastar muito

+ Mais vinhos franceses até R$100 avaliados pela ADEGA

[Colocar Alt]

AD 89 pontos

ENTRECÔTE MERLOT CABERNET SYRAH 2016

Gourmet Père & Fils, Languedoc-Roussillon, França (La Pastina R$ 88). Corte de Merlot, Cabernet Sauvignon e Syrah, elaborado com uvas do sul da França. No nariz, as notas de cereja, amora e cassis se misturam com um toque de cravo e de chocolate. Na boca, tem corpo médio, taninos firmes e o sabor de chocolate dominando o paladar. Parece um vinho bem pensado, com técnicas de enologia bem planejadas. Boa persistência e equilíbrio. Álcool 13,5%.BD

[Colocar Alt]

AD 90 pontos

JOSEPH VALLET SPLENDID BLANC DE BLANCS BRUT

Pierre Labet, Provence, França (Decanter R$ 98). Espumante brut elaborado pelo método Charmat longo (três meses) composto de Ugni Blanc, Chardonnay e Clairette. Chama atenção pela acidez, que envolve os aromas de frutas brancas e cítricas acompanhadas de toques florais, minerais, de ervas e de mel. Tem gostosa cremosidade, perlage fino, bom volume de boca e final agradável e refrescante, com toques salinos e de limão siciliano. Álcool 12%. EM

[Colocar Alt]

AD 88 pontos

KING RABBIT BLANC 2016

King Rabbit, Languedoc-Roussillon, França (La Pastina R$ 65). Um blend das castas Ugni Blanc e Colombard sem passagem por madeira, que trazem frescor e notas florais nos aromas e bastante fruta branca e de caroço na boca, que persistem por algum tempo. Seu rótulo alegre combina com o conteúdo despretensioso e muito fácil de beber e de agradar. Ótima opção para um brunch em um dia quente. Álcool 11,5%. CM

[Colocar Alt]

AD 90 pontos

KING RABBIT ROSÉ 2016

King Rabbit, Languedoc-Roussillon, França (La Pastina R$ 65). Típico “rosé de piscina”, com aromas florais e de frutas vermelhas. É meio seco, vale dizer que deixa leve dulçor na boca, sem ser enjoativo, pois a boa acidez compensa a doçura. Com nível alcoólico baixo, corpo médio e fechamento por tampa de rosca, fica ainda mais fácil de beber e de gostar. Pode acompanhar o tradicional “coquetel de camarão” (com molho golf), mas também encarar o ardor do wasabi nos sushis. Álcool 11,5%. GV

[Colocar Alt]

AD 90 pontos

LA VIEILLE FERME ROUGE 2013

Perrin & Fills, Rhône, França (World Wine R$ 89). Tinto elaborado a partir de Carignan, Cinsault, Grenache e Syrah, com breve passagem de 15% do vinho por foudre de carvalho. Num estilo jovial, agradável e gostoso de beber, mostra aromas de cerejas e cassis torneados por notas florais, especiadas, minerais e de ervas. Cheio de fruta e frescor, tem boa acidez, taninos macios e final persistente e agradável, confirmando o nariz. Versátil, pode acompanhar desde carnes vermelhas grelhadas até massas em geral. Álcool 13%. EM

[Colocar Alt]

AD 89 pontos
LES FLEURINES ROUGE 2016
Select Vins, Vin de Pays d’OC, França (Grand Cru R$ 65). Tinto elaborado exclusivamente a partir de Syrah, sem passagem por madeira. Despretensioso e fácil de beber, tem ótimos taninos, gostosa acidez e final médio/longo, tudo envolto por notas de cerejas e framboesas acompanhadas de toques florais, de especiarias, de café e de chocolate. Álcool 13,5%. EM

AD 89 pontos

[Colocar Alt]

LES JAMELLES GRENACHE 2015

Les Jamelles, Languedoc-Roussillon, França (Winebrands R$ 75). Tinto elaborado exclusivamente a partir de Grenache, com estágio de 25% do vinho durante nove meses em barricas novas e usadas de carvalho francês. Puro suco de cerejas e groselhas, acompanhado de notas florais e de ervas frescas, tudo em meio a taninos de ótima textura, gostosa acidez e boa persistência. Fácil de gostar e de entender, parece ser menos complexo do que realmente é. Álcool 13%. EM

AD 89 pontos

[Colocar Alt]

PAUL LOUIS BLACK LABEL BRUT

Paul Louis, Loire, França (Cantu R$ 95). Espumante branco brut elaborado exclusivamente a partir de Chardonnay pelo método tradicional de segunda fermentação em garrafa. Refrescante e de boa cremosidade, mostra frutas brancas e de caroço acompanhadas de notas florais, tostadas, de especiarias doces e de fermento. Fácil de entender e de agradar, tem ótima acidez e final médio/longo, com toques salinos e cítricos. Álcool 12%. EM

AD 90 pontos

[Colocar Alt]

PLAISIR D’EULALIE 2014

Château Saint Eulalie, Minervois, França (Club du Taste-vin R$ 87). Tinto composto de 40% Carignan, 30% Grenache e 30% Syrah, sem passagem por madeira, mas com 18 meses de estágio em cubas. Suculento e gostoso de beber, esbanja ameixas e amoras acompanhadas de notas florais, minerais, de ervas e de especiarias, que se confirmam na boca. Direto, sem arestas e equilibrado, tem refrescante acidez, taninos de ótima textura e final persistente e cativante, pedindo uma segunda taça. Álcool 13,5%. EM

[Colocar Alt]

AD 88 pontos

PREMIER RENDEZ-VOUS CABERNET MERLOT 2016

LGI Wines, Languedoc-Roussillon, França (World Wine R$ 72). Tinto composto de Cabernet Sauvignon e Merlot em partes iguais, sem passagem por madeira. Gostoso em sua simplicidade, mostra frutas vermelhas e negras de perfil mais maduro, acompanhadas de notas florais, de ervas e de especiarias, que se confirmam no palato. De médio corpo, tem acidez refrescante e taninos de boa textura, que trazem equilíbrio ao se lado mais adocicado. Versátil, pode acompanhar desde pizzas até uma tábua de frios. Álcool 13,5%. EM

AD 88 pontos

[Colocar Alt]

PUNTO MÁXIMO MERLOT 2015

Vignobles Bellot, Bordeaux, França (Obra Prima R$ 75). De cor rubi escuro, esse vinho 100% Merlot provém da margem direita do estuário da Gironde, onde a casta é majoritária. Fruta tipo ameixa escura, leve herbáceo e um toque tostado proveniente da madeira moldam o perfil aromático. Na boca, mostra boa acidez, bastante fruta e corpo médio. Embora não chegue a ser macio em boca, característica de muitos Merlot, os taninos não incomodam e o álcool está equilibrado. Poderá fazer boa parceria, como componente do molho e depois na mesa, com um coq au vin, ainda que seja um prato da Borgonha. Álcool 13%. GV

 

Da redação

Publicado em 2 de Julho de 2019 às 16:00


Notícias vinho francês França vinho barato preço de vinho

Artigo publicado nesta revista

CROFT 430 ANOS

Revista ADEGA 156 · Outubro/2018 · CROFT 430 ANOS

VERTICAL COM SAFRAS HISTÓRICAS