Lista

10 rótulos de Moscatéis Espumantes produzidos no Brasil

Preparamos uma lista com Moscatéis Espumantes para você perder o preconceito


O estilo Moscatel Espumante está sempre entre os mais consistentes do Brasil, ano após ano

A frase “para cada ocasião, existe a vestimenta adequada” pode ser aplicada em gênero, número e grau para o mundo dos vinhos. Pergunte a um sommelier experiente ou a um enófilo de carteirinha (não a um enochato), que ambos irão discorrer sobre a variedade de estilos – é verdade, uns mais versáteis que outros –, que praticamente podem acompanhar as mais diversas ocasiões, sejam elas gastronômicas ou não.

Do mesmo modo que não costumamos ir a um casamento em trajes de banho, é questionável ou no mínimo estranho acompanhar uma torta de frutas frescas, com um tinto seco e encorpado. Para essa sobremesa específica, o ideal seria um vinho leve e refrescante, com baixo teor alcoólico, boa acidez, dulçor suficiente para rivalizar com o açúcar da torta e, de preferência, contendo borbulhas para limpar adequadamente o palato para uma próxima garfada. Sendo assim, um Moscatel espumante, branco ou rosado, poderia ser a companhia perfeita.

Leia mais:

Qual o estilo do espumante brasileiro?

+ O problema que deu origem aos espumantes

5 combinações perfeitas entre espumantes e comidas

 

Apesar do preconceito, velado ou não, o Moscatel merece ser mais lembrado e valorizado. Seja para acompanhar sobremesas, seja para um chá da tarde ou brunch num dia quente – quando café ou chá fariam qualquer um sentir ainda mais calor. Hoje em dia, o espumante nacional, independentemente do estilo, já é reconhecido como o vinho de qualidade mais consistente que produzimos. Mas, quando falamos particularmente do Moscatel, o panorama é ainda mais animador. ADEGA degusta algumas centenas de espumantes nacionais anualmente, tanto para a revista, quanto para o Guia ADEGA de Vinhos do Brasil, e podemos categoricamente afirmar, sem ufanismo, que o estilo Moscatel Espumante está sempre entre os mais consistentes e de melhor relação entre preço e qualidade ano após ano.

É verdade que os melhores costumam vir da Serra Gaúcha, mais precisamente da zona de Farroupilha – que desde 2016 tem uma I.P. específica para esse estilo de vinho –, mas também temos bons exemplares sendo produzidos na Serra Catarinense e também no Vale do Rio São Francisco. Um bom Moscatel não pode ser enjoativo e deve ser leve, vibrante e refrescante, tendo geralmente fruta branca, de caroço e/ou cítrica, além de notas florais e de ervas. Mas deve, principalmente, ter acidez pulsante, para equilibrar seu dulçor.

Para guiá-lo em suas próximas escolhas e ajudá-lo a deixar o preconceito de lado, elencamos 10 consistentes Moscatéis produzidos no Brasil, lembrando que outras dezenas de opções podem ser encontradas no Guia Adega de Vinhos do Brasil.

AD 89 pontos

AURORA MOSCATEL ESPUMANTE

Aurora, Bento Gonçalves, Brasil (R$ 30). Espumante branco doce elaborado pelo método Asti a partir de Moscato Giallo e Moscato Bianco. Fresco e vibrante, mostra frutas brancas e cítricas equilibradas por gostosa acidez e boa textura. Cativante e fácil de gostar, tem final com toques salinos e de limão, que aumentam ainda mais a sensação de frescor. Álcool 7,5%. EM

AD 88 pontos

GARIBALDI MOSCATEL ROSÉ ESPUMANTE

Cooperativa Vinícola Garibaldi, Garibaldi, Brasil (R$ 30). Espumante branco doce elaborado pelo método Asti composto de Moscato de Hamburgo e Moscato de Alexandria. Nessa versão, mostra o costumeiro estilo de frutas vermelhas e brancas mais maduras, mas dessa vez tem vibrante acidez que traz vivacidade ao vinho. Tem final agradável, com toques cítricos. Álcool 7,5%. EM

AD 90 pontos

GÁVIA MOSCATEL ESPUMANTE

BellaQuinta, Farroupilha, Brasil (R$ 55). Espumante branco doce elaborado pelo método Asti a partir de Moscatel. Sempre consistente, nessa versão mostra mais tensão e perfil de frutas brancas e cítricas mais frescas, tudo equilibrado por vibrante acidez, gostosa textura e final agradável, com toques florais e de ervas. Uma delícia. Álcool 7,5%. EM

AD 89 pontos

GEORGES AUBERT MOSCATEL ESPUMANTE CRS

Brands, Farroupilha, Brasil (R$ 34). Novamente o Brasil prova que sabe fazer ótimos Moscatéis, não deixa nada a dever aos Astis italianos. Este Moscatel abre seu nariz com uma marcante nota de jasmim, que depois é seguido por mel e frutas brancas. Em boca, sua entrada é bastante untuosa e redonda, depois se destaca o ótimo equilíbrio entre sua doçura, excelente acidez e suas borbulhas bastante finas, que ajudam a limpar o paladar. Em seu final, as notas cítricas e sua acidez ajudam a manter a sua “drinkability” alta. Álcool 7,5%. MSL

AD 90 pontos

MARCO LUIGI RESERVA MOSCATEL ESPUMANTE

Marco Luigi, Vale dos Vinhedos, Brasil (R$ 48). Espumante branco doce elaborado pelo método Asti a partir de Moscato Branco. De boa tipicidade e sempre com consistência, apresenta frutas brancas de perfil mais maduro, mas bem sustentadas por gostosa acidez e textura cremosa. Tem final persistente, com toques salinos e cítricos. Álcool 7,5%. EM

AD 91 pontos

MONTE PASCHOAL MOSCATEL ROSÉ ESPUMANTE

Irmãos Basso, Farroupilha, Brasil (R$ 35). Este Moscatel rosado faz um lindo par com seu irmão branco, mantendo o ótimo equilíbrio entre doçura e acidez. Além de esbanjar frutas vermelhas e cítricas vívidas e intensas, oferece deliciosa textura, que traz firmeza e sustentação ao conjunto. Álcool 7,5%. EM

AD 89 pontos

NATURELLE MOSCATEL ESPUMANTE

Casa Valduga, Vale dos Vinhedos (R$ 50). Espumante branco doce elaborado exclusivamente a partir de uvas Moscato. Leve e refrescante, mostra maçãs e peras acompanhadas de notas florais e herbáceas, que se confirmam na boca. Sua acidez vibrante tem papel importante, trazendo sustentação e equilíbrio ao conjunto. Álcool 7,5%. Em

AD 89 pontos

PONTO NERO LIVE CELEBRATION MOSCATEL

Domno do Brasil, Vale dos Vinhedos, Brasil (R$ 39). Espumante branco doce elaborado pelo método Asti exclusivamente a partir de uvas Moscato Branco. Esbanja frescor, cremosidade e gostosa textura, tudo em meio a muita fruta branca, notas florais e de ervas frescas. Sua acidez vibrante e o final com toques cítricos e salinos levantam todo o conjunto. Álcool 7,5%. EM

AD 88 pontos

SALTON MOSCATEL ESPUMANTE

Salton, Tuiuty, Brasil (R$ 39). Espumante branco doce elaborado pelo método Asti a partir de Moscato. Exibe acidez pulsante e refrescante, que traz equilíbrio à sua fruta branca madura. De boa tipicidade, é cremoso e tem final com agradáveis toques cítricos e florais. Álcool 7,5%. EM

AD 88 pontos

TERRANOVA MOSCATEL ESPUMANTE

Miolo Wine Group, Vale do São Francisco, Brasil (R$ 34). Espumante branco doce elaborado pelo método Asti a partir de Moscato. De boa tipicidade, mostra aromas de frutas brancas maduras escoltadas por notas florais e de ervas, tudo bem equilibrado por refrescante acidez e textura agradável. Leve, tem final médio, confirmando o nariz. Álcool 7,5%. EM

Veja também:

5 dicas para abrir o champagne com sabre

+ Adquira o Guia Adega de Vinhos do Brasil 2019|2020

ASSINE JÁ A REVISTA ADEGA. DESCONTOS DE ATÉ 76% 

Eduardo Milan

Publicado em 31 de Outubro de 2019 às 16:30


Notícias Moscátel espumante espumantes brasileiros

Artigo publicado nesta revista