Mundovino

Notre Dame reergue-se com ajuda de produtores de vinho

Produtores de vinho franceses fizeram doações importantes para a restauração da Notre Dame em Paris


Produtores de vinhos da França realizam doações milionárias para a reconstrução da Catedral de Notre Dame

Em abril, o mundo assistiu chocado às cenas da catedral de Notre Dame, em Paris, em chamas. A igreja foi duramente afetada pelo fogo e o desastre comoveu pessoas de todo o planeta. No entanto, logo em seguida muitos decidiram fazer doações para que o monumento histórico logo volte a exibir seu esplendor. Entre os doadores, muitos da indústria do vinho.

François Pinault, proprietário do Château Latour, declarou que vai doar 100 milhões de euros e Bernard Arnault, proprietário do grupo LVMH, 200 milhões à campanha internacional de arrecadação de fundos para reformas na catedral. O grupo LVMH anunciou em sua conta no Instagram: “Na sequência desta tragédia nacional, a família Arnault e o Grupo LVMH prometem o seu apoio à #NotreDame. Eles doarão um total de 200 milhões de euros ao fundo para a reconstrução deste trabalho arquitetônico, que é parte integrante da história da França”. O grupo também ofereceu o apoio de todas as suas equipes, incluindo criativa, arquitetônica e financeira, para ajudar no trabalho a longo prazo.

Leia mais:

Vinhos franceses abaixo de R$100

Château Latour coloca novos vinhos no mercado

Leilão de vinhos da Sotheby’s bate valor recorde

Martin e Olivier Bouygues, proprietários do Château Montrose, em Saint-Estèphe, e Clos Rougeard, em Saumur-Champigny, fizeram uma doação pessoal de 10 milhões de euros. O Charlois Group, dono dos fabricantes de barris Saury, Berthomieu e Leroi, disse que vai fornecer e doar seu melhor carvalho para reparar o telhado.

Já a Sotheby’s ofereceu as 750.000 libras arrecadadas com a venda em Londres de 25 das caixas limitadas de Mouton Rothschild Versailles Celebration para a Notre Dame. O dinheiro estava originalmente planejado para a restauração do Palácio de Versalhes. “Com os fundos da venda indo para a reconstrução na Catedral de Notre Dame, cada caixa mais do que dobrou a oferta de abertura, com o preço médio excedendo o alcançado em Hong Kong, chegando a £ 30.105” disse Jamie Ritchie, diretor mundial da Sotheby’s.

OUTRO INCÊNDIO

Dois milhões de garrafas de vinho e destilados foram destruídas em um incêndio em um depósito em meados de abril, propriedade do négociant Sovex Grands Châteaux, que fica na comuna de Carbon-Blanc. Quase 60 bombeiros foram chamados para ajudar a apagar o incêndio e o teto desabou na parte do edifício que continha as garrafas, destruindo-as. Cerca de 80 funcionários foram evacuados e nenhum ficou ferido. O incêndio afetou cerca de metade de um armazém de 3000 m2. Fundada em 1982, a Sovex Grands Châteaux tem 21.000 m2 de armazenagem e disse que o incêndio não afetaria muito suas operações.

Veja também:

+ Vinhos franceses avaliados pela ADEGA

Para mais notícias sobre vinhos assine a Revista ADEGA

Conheça produtos do mundo do vinho na Seleção ADEGA

Da redação

Publicado em 3 de Agosto de 2019 às 18:00


Notícias Notre Dame incêndio Notre Dame produtores de vinho franceses vinho francês França

Artigo publicado nesta revista

Gran Reserva

Revista ADEGA 163 · Maio/2019 · Gran Reserva

Conheça os Grandes Vinhos de Rioja + Seleção com ícones